sexta-feira, 15 de agosto de 2008

Teste seus conhecimentos

Nesta postagem apresento questões retiradas de provas de vestibulares das principais universidade federais do estado de Minas Gerais. Tente resolvê-las, caso tenha dúvidas deixe um comentário.

UFJF - 2007

01. Leia, com atenção, as considerações sobre o movimento conhecido como Cruzadas e, em seguida, faça o que se pede.
“Guerra proclamada pelo Papa em nome de Cristo e travada como iniciativa do próprio Cristo para a recuperação da propriedade cristã ou em defesa da Cristandade contra inimigos externos. O movimento das Cruzadas era em certo sentido uma extensão da guerra que estava sendo travada contra os muçulmanos na Espanha e na Sicília.” (LOYN, H.R. Dicionário da Idade Média).

a) Cite uma motivação de ordem religiosa e outra de ordem sócio-econômica para o início das Cruzadas.

b) Cite e analise duas repercussões do movimento das Cruzadas para o ocidente medieval.


UFMG - 2006

Considerando as transformações que abriram caminho para o surgimento do Mundo Moderno, ANALISE o impacto dessas mudanças sobre

1. as relações de trabalho.


2. a distribuição socioespacial da população.


UFMG - 2005

Leia este trecho de uma carta endereçada ao Cardeal de Carvajal, datada de 12 de março de 1455, em que
o autor conta o que observou em uma feira:
Não vi nenhuma Bíblia completa, mas vi um certo número de livretes de cinco páginas de vários dos livros da Bíblia, com letras muito claras e dignas, sem quaisquer erros, que Vossa Eminência teria sido capaz de ler sem esforço e sem óculos. Várias testemunhas disseram-me que 158 exemplares foram completados, enquanto outros dizem que havia 180. Não estou certo da quantidade, mas da conclusão dos livros, se podemos crer nas pessoas, não tenho dúvidas.
Citado por MANGUEL, Alberto. Uma história da leitura. São Paulo: Companhia das Letras, 1997. p. 158.

1. INDIQUE a mudança técnica que possibilitou a circulação dos livretes, referidos nesse texto.


2. DISCUTA duas das implicações dessa mudança para a circulação das informações no mundo moderno.


UFOP - 2003
A Europa, dos séculos XVI ao XVIII, ou seja, na Idade Moderna, apresentou, na vida política, caracterísitcas próprias. Sendo assim, mostrar as características políticas que distiguem a vida política, na Idade Moderna Européia.


UFV - 2005

O pioneirismo inglês no processo de constituição do capitalismo industrial é explicado por um conjunto de fatores de natureza social, política e econômica, durante os séculos XVII e XVIII.
Indique três condições que favoreceram o desenvolvimento do capitalismo naquele país, sendo uma política, uma social e uma econômica.

a) Política:

b) Econômica:

c) Social:

5 comentários:

Wagner disse...

UFJF-2007
01-As Cruzada tinham como motivação religiosa libertar terras consideradas santas, do poder mulçumano. E como motivação sócio-econômica, recuperar importantes cidades comerciais, que também eram dominadas por mulçumanos.

02-Com o movimento das Cruzadas, houve um empobrecimento dos senhores feudais, pois eram eles os financiadores das expedições militares. Decorrente desse empobrecimento ocorreu a centralização do poder nas mãos do rei. Essa foi a forma encontrada para contornar a crise na qual o feudalismo se encontrava.

UFMG
01-Com o fortalecimento comercial e a expansão urbana, a relação servil do feudalismo deu lugar às relações mais liberais, encontradas na cidade através de prestações de serviço. Como artesãos, ferreiros e pequenos comerciantes.

02-As cidades que antes eram rotas de comércio passam a ser também o lar de pessoas que desejavam romper com a rigidez feudal. Assim, houve uma grande expansão urbana decorrente do êxodo rural.

UFMG
01-O desenvolvimento da tipografia, pelo alemão Johann Gutenberg.

02-Com a tipografia, a impressão passou a ser mais rápida, assim, pode chegar a mais lugares e em menos tempo. Com mais leitores, surgiram também outras interpretações.

UFOP
A vida política européia durante a Idade Moderna caracterizou-se pelo absolutismo monárquico. A autoridade do rei tornou-se fonte suprema de poder do Estado. O soberano tinha o direito de interferir em tudo, no exército, nas finanças, elaborações de leis, etc.

UFV
a)Na política: após a revolução gloriosa, a burguesia inglesa passou a ser politicamente mais poderosa, assim investiam mais na industrialização

b)econômica: a Inglaterra possuía um sistema de crédito muito bem organizado, que possibilitava mais investimentos.

c)Social: com a introdução de máquinas no campo, os camponeses perderam suas funções, migrando para as cidades, onde foram engajados no trabalho das indústrias que surgiram.

Wagner de Souza Lino

Gostei pra caramba do jornal...
t+

Licínio Filho disse...

Olá Wagner, estive muito atarefado e não respondi antes, mas vamos lá...a seguir farei algumas observações sobre suas respostas.

UFJF 2007

LETRA A - Em relação aos problemas sócio-econômicos gostaria de lembrar-lhe que na época das Cruzadas as cidades européias enfrentavam graves problemas sociais com o crescimento do número de mendigos e crianças abandonadas. Desa forma, as Cruzadas serviram para diminuir este problema, já que boa parte dos mendigos e crianças abandonadas foram mandadas para o Oriente neste período.

LETRA B - Com relação ao comércio, as Cruzadas tiveram uma grande importância na ampliação do comércio europeu para regiões fora da Europa, abrindo o mercado das especiarias que foi monopolizado pelas cidades italianas.

UFMG 2006

1 - Cuidado! Você afirmou que as relações servis deram lugar a relações de trabalho mais liberal.
Você deve dizer que o renascimento comercial e urbano possibilitaram uma nova perspectiva de vida para muitos servos, que passaram a abandonar o feudo em direção às cidades, PORÉM, o trabalho servil ainda permaneceu preponderante ainda por muitos séculos, ok?

2 - Sua resposta está correta.

UFMG 2005
1 - vAMOS DAR UMA MELHORADA NA ARGUMENTAÇÃO:(A)Com o surgimento da prensa de tipos móveis foi possível aumentar o número de livros publicados possibiltando que um número maior de pessoas tivesem acesso aos novos conhecimentos.(B)Tal fato, também permitiu o desenvolvimento dos estudos científicos e também a publicação da Bíblia nos idiomas nacionais, depois que Lutero a traduziu do Latin para o Alemão, ajudando a romper com o monopólio da interpretação das sagradas escrituras detido pela Igreja Católica.

UFOP 2003
Sua resposta está boa, mas pode ser melhorada. Argumente que houve a centralização do poder nas mãos dos reis, enfraquecendo o poder político dos senhores feudais.
Aí você vai poder falar sobre o Absolutismo. Destacar o surgimento dos Estados Nacionais como símbolo desta centralização política também é importante.

UFV 2005

A - Correta. Explique que com a limitação do poder do rei e a adoção do regime parlamentarista, a burguesia alcançava o poder político e passaria a dirigir ações voltadas aos seus interesses.

B - Além do sistema de créditos, vale lembrar que com os Atos de Navegação a Inglaterra se consolidou como a maior potência marítima européia, dominando o comércio marítimo.

C - Além dos servos que abandonavam o campo em direção às cidades ( não foi máquina que tirou trabalho dos servos e sim o processo de CERCAMENTOS, quando a burguesia começou a adquirir terras e cercá-las para criar ovelhas e expulsar os servos do campo. Lembre-se que a lã das ovelhas era matéria prima para a produção têxtil.
Você deve argumentar que os artesãos moradores das cidades também se viram sem trabalho e engrossaram as filas de desempregados que passaram a procurar emprego nas fábricas.

Se ainda rolar alguma dúvida encaminhe aqui nos comentários ou converse comigo lá no cursinho, estou às ordens.

Abraços,

Licínio

Anônimo disse...

Licínio tu fraga muito....

Vc é professor de faculdade ou algo assim?

Pqp parabens

Licínio Filho disse...

Caro anônimo,
leciono História em escolas de ensino regular (fundamental e médio)e Pré-vestibular.
Apareça sempre.
Abração.

Anônimo disse...

Nossa, muito obrigado. Me ajudou muito!